O Sol é importante, não só porque é o astro regente de Seiya, mas também porque pode ajudar a completar a descrição da sua personalidade, já feita anteriormente através do signo, do sangue e do nome. 

"No horóscopo natal, o Sol é o símbolo da autoconsciência. É o principal ponto de síntese e o foco central que alimenta os restantes factores astrológicos. Representa o "self", o ego, a consciência central e a capacidade de autoconhecimento.

Para além da consciência, o Sol representa também a vitalidade. É a fonte de vida. Simboliza o princípio vital que anima todas as formas - o Espírito. Na mitologia, este astro corresponde quase sempre a uma divindade criadora, ou mesmo ao próprio deus principal.

O Sol é o arquétipo masculino. Num mapa astrológico está associado à vontade e vitalidade características da polaridade yang.

Tanto para homens como para mulheres, pode corresponder àquilo que tomamos como modelos de comportamento masculino. Esses modelos foram-nos transmitidos nos primeiros anos de vida pelo pai e, em certa medida, por outros homens que representem autoridade e poder. Algumas mulheres podem ainda projectar esta imagem no próprio parceiro, enquanto outras a interiorizam e integram, vivenciando-a na sua própria estrutura de personalidade.

Em Alquimia, representa o ouro, o mais nobre dos metais, produto final do processo alquímico. Ao transformar os outros metais em ouro, transformamos, por analogia, as experiências da personalidade em consciência (o outro aspecto simbolizado pelo Sol).

Como já referimos anteriormente, o movimento do Sol através do Zodíaco é fácil de entender - demora sensivelmente um mês em cada signo (com variações de um dia, nos anos bissextos) e leva um ano para dar a volta completa. O signo onde o Sol se encontra será, por isso, de grande importância para o horóscopo natal. No entanto, importa frisar que esta importância é relativa e que os restantes factores do mapa poderão acentuar ou atenuar a "mensagem" do signo do Sol."

O Sol é, sem dúvida, o astro que melhor poderia descrever Seiya Kou tal como o conhecemos. A parte da consciência e do "self" pode levar-nos a pensar que Seiya se ama, ou algo parecido -- como o próprio signo Leão nos diz. Como dito anteriormente, Seiya não é assim, embora tenha, isso sim (tal como afirmado no documento acima transcrito), consciência daquilo que é e vale (autoconsciência). Isso, desde que me conheço, é bom.

Outra característica marcante tanto em Seiya como no Sol é a vida. Seiya é alegre, activo, e irradia luz; não o podemos negar. Consegue iluminar qualquer sítio onde se encontre sem sequer se esforçar. Se acham que isto é mentira, dar-vos-ei o exemplo mais óbvio: os concertos dos ThreeLights, onde Seiya é adorado pelos fãs como um verdadeiro deus. Pode também ser considerado o "deus principal", dentro do plano dos três ThreeLights: mais uma vez, o Sol combina com ele.

Achei especialmente piada à parte em que diz que aqueles que são regidos pelo Sol têm características masculinas, quer sejam homens ou mulheres, já que este planeta é o "arquétipo masculino". Seiya é um rapaz e uma rapariga ao mesmo tempo, e possui, em ambas as formas, traços marcantemente masculinos (como devem ter reparado). Outra coincidência...?

Obrigada a Espaço Astrologia pela informação acerca do Sol.